• Transforma News

Dave Grohl colabora em biografia do lendário baterista John Bonham; confira


Foto: Reprodução / Getty Images

Pela primeira vez, a história do lendário baterista do Led Zeppelin, John Bonham, será contada em um livro. Escrito pelo jornalista C.M. Kushins, “Beast: John Bonham And The Rise Of Led Zeppelin” (em português, Beast: John Bonham e a ascenção do Led Zeppelin), contou com uma colaboração muito especial: Dave Grohl. O líder do Foo Fighters escreveu o prefácio da obra que será lançada no dia 07 de setembro.

Nenhum detalhe ou trecho da contribuição de Grohl foi divulgado, embora ele já tenha falado sobre sua adoração pelo saudoso músico.

Certa vez, ele disse à Rolling Stone: “John Bonham tocava bateria como alguém que não sabia o que iria acontecer a seguir - como se estivesse oscilando na beira de um penhasco. Ninguém chegou perto disso desde então, e eu acho que ninguém jamais chegará. Acho que ele será para sempre o maior baterista de todos os tempos.

“Você não tem ideia do quanto ele me influenciou. Passei anos no meu quarto - literalmente anos de merda - ouvindo a bateria de Bonham e tentando emular seu swing ou sua arrogância atrás da batida ou sua velocidade ou poder. Não apenas memorizando o que ele fez nesses álbuns, mas me colocando em um lugar onde eu teria a mesma direção instintiva que ele teve”.

“Beast: John Bonham And The Rise Of Led Zeppelin” contará a história da ascensão de Bonham, de baterista autodidata aos cinco anos de idade para uma das bandas de rock de maior sucesso de todos os tempos. Ele morreu em 1980, com 32 anos.

Até hoje, Bonham é postumamente descrito como um dos bateristas mais importantes e influentes do rock - muitas vezes no topo das listas dos melhores. Adam Budofsky, editor-chefe da Modern Drummer, escreveu certa vez: “Se o rei do rock 'n' roll era Elvis Presley, então o rei da bateria de rock era certamente John Bonham.”

Matéria: Kika Mesquita