• Transforma News

Há 29 anos, o Guns N' Roses lançava, simultaneamente, os icônicos Use Your Illusion 1 e 2


No primeiro minuto de 17 de setembro de 1991, o Guns N’ Roses lançava, simultaneamente, os álbuns Use Your Illusion 1 e 2. Juntos, os discos produziram muitos clássicos e revolucionaram a carreira da banda, que se tornava a maior do mundo, naquela época.

Embora fossem álbuns complementares, com muitos pontos parecidos, tinham suas diferenças. O Use Your Illusion 1 trazia alguns elementos de blues, música clássica e country, com músicas escritas nos primórdios da banda. Um disco mais visceral com músicas intensas, como a longa e crua Coma, também produziu clássicos como a épica November Rain, Don’t Cry (que também se encontra no UYI2, em uma versão diferente) e o cover de Live and Let Die, de Paul McCartney.

O Use Your Illusion 2 foi o mais vendido, mais sofisticado e mostra a cara do Guns N’ Roses dos anos 90. A primeira faixa é a espetacular Civil War, com uma letra política que critica ferozmente os senhores da guerra e os chefes de estado relapsos que deixam o povo sofrer. Esse disco também contou com um cover, Knockin’ On Heaven’s Door, de Bob Dylan, que virou um hit mundial e acabou ficando mais conhecida que a original. A obra-prima You Could be Mine, que foi trilha do filme O Exterminador do Futuro 2, também marcou época por sua perfeição. A longa Estranged também fez história além de ganhar um videoclipe de 04 milhões de dólares. O Use Your Illusion II contém uma única colaboração de Steven Adler que foi última para o Guns N’ Roses. O baterista gravou Civil War e as demais faixas dos dois álbuns foram gravadas por Matt Sorum.

Matéria: Kika Mesquita

Foto: Reprodução